4 estádios tentam sediar Supercopa entre Flamengo e Palmeiras

166
4 estádios tentam sediar Supercopa entre Flamengo e Palmeiras
4 estádios tentam sediar Supercopa entre Flamengo e Palmeiras
Publicidade

Arrascaeta comemorando conquista da Supercopa em 2020 (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Faltando pouco mais de um mês para a Supercopa e mesmo em meio ao crescimento dos casos de Covid no país, a CBF não para de receber ofertas de federações para sediar o jogo entre Flamengo e Palmeiras. Quatro estádios se ofereceram até o momento: Rei Pelé (Maceió), Arena das Dunas (Natal) e Arena Pantanal (Cuiabá) e o Mané Garrincha (Brasília). Este último é o que tem a preferência nos bastidores da CBF, mesmo com o lockdown que acaba de ser decretado na capital federal.

Publicidade

A medida não afetaria a realização da partida, que não terá público. Mas uma reunião mais detalhada acerca do assunto será realizada na capital federal.

Três fatores agradam aos organizadores em relação ao Mané: o fato de ser uma arena reformada com objetivo de grandes eventos (o que, neste quesito, só deixaria o Rei Pelé de fora da lista), a facilidade da malha aérea e a oferta de hotéis para as duas equipes muito próximos ao estádio. Este é o item que deixa Brasília mais perto da escolha. Na visão dos dirigentes, a capital federal tem quantidade de hotéis suficiente para acomodar tanto organizadores, quanto as duas equipes a cerca de cinco minutos do estádio.

Na edição passada, quando Flamengo e Athlético-PR disputaram, o Mané Garrincha teve público formado majoritariamente por flamenguistas. Por este motivo, a intenção inicial era que a Supercopa fosse disputada em estádio diferente dessa vez, visto que o Flamengo é novamente um dos finalistas. A preocupação dentro da entidade era evitar comentários de favorecimento ao rubro-negro neste item.

Mas como a partida terá de ser sem público, em função da pandemia de coronavírus, a CBF não vê mais a necessidade de levar o duelo para estado em que as duas equipes tenham quantidade de torcedores menos desigual, como a região de Cuiabá, por exemplo.

A Arena Pantanal se colocou no páreo não só por este motivo, mas também porque sediou há cerca de um mês a Supercopa sub-17, entre Fluminense e São Paulo.

A partida está marcada para o dia 11 de abril. O jogo acontece entre o campeão do Brasileiro de 2020, Flamengo, e o vencedor da Copa do Brasil, Palmeiras.

Retirado de: Blog da Gabriela Moreira

Publicidade