Alexandre Frota quem denunciou festa em cassino com a presença de Gabigol

2295
Alexandre Frota quem denunciou festa em cassino com a presença de Gabigol
Alexandre Frota quem denunciou festa em cassino com a presença de Gabigol
Publicidade

Alexandre Frota é flamenguista assumido – Foto: Divulgação

UOL: Brunno Carvalho

Publicidade

A Polícia Civil informou que o deputado Alexandre Frota (PSDB) foi o responsável pela denúncia sobre um cassino clandestino na Vila Olímpia, na zona sul em São Paulo, em que estava o jogador Gabigol, do Flamengo, e outras 200 pessoas. Todos eles foram conduzidos para a delegacia e assinaram um termo se comprometendo a prestar depoimento futuramente.

Alexandre Frota acompanhou o momento em que a operação ao cassino foi realizada por ter sido o denunciante, segundo a polícia. Ele gravou um vídeo e divulgou em suas redes sociais, incluindo o momento em que Gabigol foi levado para o carro da polícia. O UOL Esporte tentou contato com o deputado, mas ainda não obteve resposta. Em seu Twitter, ele disse ter denunciado uma festa clandestina e, ao chegar ao local, os policiais encontraram o cassino.

“A Polícia Civil esclarece que o deputado citado foi quem fez a denúncia sobre o local à força tarefa destinada ao combate às aglomerações e estava no local no momento da atuação dos fiscais”, diz a Polícia Civil em nota.

A operação contou com a presença de agentes da Vigilância Sanitária, Procon-SP e as polícias Civil e Militar. O DPPC (Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania) vai investigar o caso. A existência de um cassino clandestino é qualificada como contravenção e não resulta em prisão. No caso de Gabigol e das demais pessoas que foram flagradas no local, é considerado uma infração. Eles não correm o risco de serem presos, segundo o DPPC.

Em entrevista à Globo, o delegado Osvaldo Nico Gonçalves, do Dope (Departamento de Operações Policiais Estratégicas), da Polícia Civil, afirmou que Gabigol foi encontrado escondido embaixo de uma mesa do cassino. “Ele é um pouquinho nervosinho com a presença da polícia, mas depois foi conduzido para a delegacia, onde foi ouvido”.

O Flamengo faz clássico com o Fluminense hoje, às 18h, pelo Campeonato Carioca. Gabigol e parte do elenco ainda estão de férias depois da conquista do Campeonato Brasileiro de 2020. Eles receberam 15 dias de descanso e a previsão é que retornem aos treinos na próxima semana.

Publicidade