Apesar de orçamento apertado Braz afirma que Flamengo irá ao mercado

196
Apesar de orçamento apertado Braz afirma que Flamengo irá ao mercado
Apesar de orçamento apertado Braz afirma que Flamengo irá ao mercado
Publicidade

Vindo da temporada vitoriosa de 2019, o Flamengo se empolgou e investiu pesado em reforços para 2020. O ano passado, no entanto, não foi capaz de suprir as expectativas do clube, que buscava por ainda mais troféus.

Publicidade

Por conta da falta de público nos estádios causada pela pandemia e pelas eliminações precoces em competições importantes, o rubro-negro não conseguiu manter sua receita e precisou fazer ajustes no orçamento da temporada de 2021. Mesmo assim, de acordo com Marcos Braz, o Mais Querido irá ao mercado neste início de ciclo.

“Com o conhecimento de mercado que a gente tem, vamos conseguir reforçar o time, mesmo com essa situação (de orçamento mais enxuto)”, disse o vice-presidente em entrevista ao jornal O Globo.

Em relação às possíveis chegadas, Braz insiste em dizer que ainda não há acordo para o retorno de Rafinha, mas que o acerto está próximo. O VP ressalta que não depende apenas do Fla, uma vez que o lateral também possui suas pendências. De acordo com a informação divulgada por Venê Casagrande, o contrato entre Rafinha e Flamengo já está quase acordado, inclusive o salário. O vínculo irá até dezembro de 2021.

Além do lateral, o time já realizou contrato com outros dois jogadores: Bruno Viana e Fabrizio Peralta. O último é uma promessa do futebol paraguaio, com 18 anos, e reforçará o elenco sub-20. O volante chega por empréstimo e opção de compra fixado em contrato.

Publicidade