Conmebol abre mais um processo contra o Flamengo

0
Conmebol abre mais um processo contra o Flamengo
Conmebol abre mais um processo contra o Flamengo
Publicidade

Depois de abrir processo disciplinar contra o Flamengo por conta de posts publicitários nas redes sociais do clube, que pode ser multado em R$ 270 mil, a Conmebol deu início a novo processo contra o Rubro-Negro por conta do atraso do time na volta do intervalo contra o Unión La Calera, pela Libertadores, e por uma discussão entre Gabriel Barbosa e o delegado da partida no Maracanã.

O Flamengo voltou ao campo de jogo com dois minutos de atraso, conforme o árbitro venezuelano José Ramon Argote Vega relatou em súmula. Já o delegado da partida, o brasileiro Valesca Fistarol De Araujo, relatou o seguinte:

Publicidade

— A equipe do Flamengo finalizou o aquecimento pré-jogo com 3 minutos de atraso. No momento que o oficial de segurança solicitou a saída do campo, o atleta nº9 Gabriel Barbosa Almeida gritou: “Vamos é o c…, deixa aquecer!

Segundo a Conmebol, as infrações foram referentes aos artigos 5.1.4 e 5.1.12.6 do Manual de Clubes da Libertadores, que preveem uma advertência ao clube como sanção, inicialmente. No caso de uma segunda e subsequentes infrações, multas podem ser aplicadas tanto ao técnico quando ao clube.

O Flamengo tem até o dia 7 de maio para apresentar sua defesa à Conmebol.

Retirado de: Lance

Publicidade