Flamengo pode chegar a 13 desfalques contra o Palmeiras; confira a lista

5093
Eric Faria faz previsão sobre elenco do Flamengo e divide opinião da torcida
Eric Faria faz previsão sobre elenco do Flamengo e divide opinião da torcida
Publicidade

UOL: Leo Burlá

O tempo livre para treinos entre a goleada por 4 a 0 sobre o Santos e o duelo com o Palmeiras foi muito aguardado por Renato Gaúcho, mas fato é que o período trouxe mais dor de cabeça do que soluções para o treinador do Flamengo.

Publicidade

Sem os convocados Gabigol, Everton Ribeiro, Arrascaeta e Isla, o rubro-negro viu os problemas se avolumarem nesta semana livre e soma nada menos que 13 problemas para escalar a equipe que encara no domingo (12) o Alviverde, às 16h, no Allianz Parque, pelo Brasileiro.

Em recuperação de uma lesão na coxa, Bruno Henrique será baixa certa. Ainda na fase final de trabalho antes do retorno aos campos, Rodrigo Caio e Renê já trabalham com os demais atletas, mas também são carta fora do baralho para o duelo contra os palmeirenses. Com dores no tendão, Piris da Motta antecipou sua volta da seleção do Paraguai e também já está vetado. Recém-contratado, Kenedy ainda busca a melhor forma e não joga na capital paulista.

Com dores musculares, Diego, Willian Arão e Léo Pereira não foram a campo e a expectativa é que treinem ao menos uma vez para que possam ser relacionados.

Some-se a isso o desfalque de Filipe Luís, que teve diagnosticado um problema na panturrilha e já iniciou tratamento no Ninho do Urubu. Com a lateral esquerda vaga, o jovem Ramon surge como a bola da vez para o jogo.

Para minimizar os problemas, Renato torce para que os jogadores que estavam com suas seleções voltem em boas condições. O cenário, no entanto, não aponta para que todos retornem em condições de encarar o rival paulista. A meta é que alguns possam ser usados ao menos em uma boa parte do jogo. Gabriel e Everton se apresentam amanhã (11) no CT, enquanto o uruguaio e o chileno se incorporam em São Paulo.

Com tantos problemas, Renato teve de adaptar a rotina de treinamentos e deu prioridade aos aspectos físicos, técnicos e táticos nesses dias de calendário mais folgado. Em algumas ocasiões, o treinador realizou atividades em campo reduzido.

Hoje (10), o elenco rubro-negro se reapresenta para mais um dia de trabalho antes de retomar a rotina de partidas. Na véspera do jogo, o grupo volta a treinar no mesmo horário e embarca na sequência.

 

Publicidade