Flamengo tentou participar da Superliga da Europa

9
Flamengo tentou participar da Superliga  da Europa
Flamengo tentou participar da Superliga da Europa
Publicidade

Pegando todos de surpresa, a Superliga da Europa foi anunciada de forma oficial na noite desse domingo. O torneio foi fundado por 12 gigantes e vai reunir a nata do futebol europeu, além de alguns convidados. A competição, que já gerou enorme polêmica, tem sido debatida há algum tempo e, inclusive, Flamengo, Boca Juniors e River Plate já mostraram interesse em participar.

No início de 2020, Flamengo, Boca e River Plate conversaram com os gigantes europeus sobre uma possível participação na Superliga. De acordo com o blog do Rodrigo Mattos, do UOL Esporte, na época as equipes da Europa admitiram a inclusão dos sul-americanos nas conversas, no entanto eles não foram mais procurados desde então.

Publicidade

A Superliga foi fundada por Arsenal, Atlético de Madrid, Barcelona, Chelsea, ​​Inter de Milão, Juventus, Liverpool, Manchester City, Manchester United, Milan, Real Madrid e Tottenham e deve ter mais outros três participantes na lista de fundadores. Outros cinco times convidados fechariam os 20 clubes do torneio.

Veja abaixo o formato da competição, com Florentino Pérez, mandatário máximo do Real Madrid, sendo eleito o presidente:

  • 20 clubes participantes, sendo os 15 fundadores e mais cinco times que serão classificados anualmente com base no desempenho da temporada anterior;
  • Todas as partidas serão disputadas durante a semana, todos os clubes continuarão a competir nas respectivas ligas nacionais, preservando assim o calendário tradicional;
  • A temporada terá início em agosto com a participação dos clubes em dois grupos de dez, que farão partidas de ida e volta; Os três primeiros de cada grupo se classificam automaticamente para as quartas de final. As equipes que terminaram em quarto e quinto lugar jogarão um playoff adicional de duas partidas. Posteriormente, serão disputados playoffs de dois jogos a partir das quartas de final até a final, que será disputada em um único jogo, no final de maio, em local neutro.

Desde o anúncio oficial, a Superliga vem gerando polêmica e manifestações contrárias. A Uefa anunciou severas punições para os clubes participantes como o banimento de competições nacionais e internacionais, além da proibição dos atletas dessas equipes defenderem as seleções dos seus respectivos países.

Retirado de: Torcedores

Publicidade