Motorista do Flamengo relata emoção vivida no AeroFla

1
Publicidade

COLUNA DO FLA: A última sexta-feira (19) foi um dia de muita festa no Rio de Janeiro. Prestes a disputar a final da Libertadores, o Flamengo se despediu da Cidade Maravilhosa com a presença da torcida, que demonstrou apoio ao clube do Ninho do Urubu até o Aeroporto do Galeão. Em entrevista ao “Lance!”, o Motorista do ônibus do Rubro-Negro no AeroFla, Jorge Moraes, que também esteve presente na manifestação de 2019, falou sobre a emoção de vivenciar o evento.

A torcida do Flamengo é incrível e não deixou a desejar no apoio aos nossos jogadores e comissão. Sempre cantando em tom bem alto, com toda a emoção de torcer para um dos maiores clubes do mundo. É imensurável fazer parte dessa história pela segunda vez em três anos. Ver de perto o rosto do torcedor, as crianças, os idosos. Tenho a exata noção que sou um privilegiado por participar duas vezes em tão pouco tempo— disse, antes de completar:

Publicidade

(As lembranças) São as melhores possíveis. Não dava para ver o asfalto, a torcida balançava a van, cantava sem parar. Estávamos há muito tempo sem disputar uma final de Libertadores. Emocionante demais. Jamais sairá da minha memória e de todos que estiveram ali. Vestir essa camisa proporciona momentos como esse— finalizou.

Flamengo e Palmeiras entram em campo pela final da Libertadores no próximo sábado, dia 27 de novembro. A bola rola às 17h (horário de Brasília), no Estádio Centenário, em Montevidéu, no Uruguai. A Nação Rubro-Negra vive a expectativa de vencer o principal torneio do continente pela terceira vez, para entrar no rol dos maiores ganhadores da competição no país.

 

Publicidade