Presidente do Fortaleza elogia gestão do Flamengo e revela detalhes sobre imbróglio entre clubes e CBF

0
Publicidade

Neste sábado (09), o Flamengo enfrenta o Fortaleza, em jogo válido pela 25ª rodada do Brasileirão. Após empatar na última jornada, diante do Red Bull Bragantino, o Mais Querido busca reencontrar o caminho da vitória. No entanto, antes disso, o presidente do adversário deste fim de semana, Marcelo Paz, concedeu entrevista ao jornal ‘O Dia’. Nela, o mandatário comparou as gestões de futebol e elogiou bastante todo o trabalho que a chapa de Rodolfo Landim vem fazendo.

— Eu acho que é possível, sim, comparar dentro da realidade de cada um. Fazer uma boa gestão não é só ter mais ou menos dinheiro, mas é fazer resultados esportivos coerentes ou acima da sua capacidade financeira. Eu acho que o Flamengo faz um belo trabalho há alguns anos, é um clube que, hoje, sabe usar a competência do tamanho da torcida que tem e transformar isso em dinheiro e receita com patrocinadores, sócio-torcedores – o marketing em si, conseguindo grandes resultados – disse Paz, antes de continuar:

Publicidade

— Já o Fortaleza também com a gestão, dentro da sua possibilidade, com 20x menos torcedores do que o Flamengo, consegue também entregar resultados dentro da sua capacidade financeira e até mais, como é o caso da atual colocação no Campeonato Brasileiro – analisou.

Além disso, o presidente do Tricolor também comentou sobre o imbróglio entre clubes, CBF e Mais Querido. Para Marcelo Paz, discordar do Flamengo não acarreta em nenhum problema entre as gestões, muito pelo contrário. O mandatário afirmou que tomar rumos diferentes faz parte dessas relações institucionais, e que respeita muito Rodolfo Landim, com o qual sempre manteve contato.

— Eu entendo que a relação institucional dos dois clubes é muito boa. O fato de termos discordado e se posicionado contrário não significa um azedamento da relação; eu acho que faz parte da convivência institucional essa discordância, esse pensamento diferente. Mas eu respeito muito o Flamengo como instituição, gosto do presidente Landim, acho que é um cara que faz um grande trabalho e sempre tive um ótimo acesso a ele – frisou, antes de finalizar.

— Da nossa parte do Fortaleza, posso garantir que permanece inabalado o respeito institucional, a ciência da grandeza que é o Flamengo – porque jogar com o Flamengo é sempre dificílimo. E as disputas ficam dentro do campo, coincidentemente, as duas equipes chegam com a mesma pontuação para o jogo de amanhã, o que dá um ingrediente ainda melhor. E sempre muito respeito pelo Flamengo, pelo seu presidente e pela sua torcida – conclui o presidente do Fortaleza.

 

Publicidade