Rogério Ceni fala pela primeira vez sobre a saída de Natan do Flamengo

150
Rogério Ceni fala pela primeira vez sobre a saída de Natan do Flamengo
Rogério Ceni fala pela primeira vez sobre a saída de Natan do Flamengo
Publicidade

Após a goleada do Flamengo sobre o Madureira por 5 a 1, Rogério Ceni falou pela primeira vez sobre Natan em entrevista coletiva. Como o zagueiro foi emprestado ao Red Bull Bragantino, e deve ser comprado em definitivo, o treinador justificou que o clube foi “forçado” a negociar o atleta, já que precisa manter os compromissos em dia e também bater a meta de vendas estipulada no orçamento, tendo em vista que o acordo com o Massa Bruta tem chances de render R$ 27 milhões.

“O Natan joga pelo lado esquerdo, gostava dele e eu vejo muito potencial nele. É uma necessidade que o clube tem de saldar seus compromissos. Meu desejo e da diretoria era dele permanecer, mas a força de manter as contas em dia foi o que pesou”, declarou.

Publicidade

Apesar do placar elástico, Ceni acredita que o Flamengo ainda pode evoluir. Agora, o time terá os próximos dias para se preparar visando o duelo contra o Palmeiras, o domingo (11), pela Supercopa do Brasil.

“Uma equipe sempre tem algo a melhorar, corrigir. Levamos gol de bola parada, o que não é comum. Apesar de termos enfrentado um time alto. Temos ajustes. A tendência é encorpar com o decorrer dos jogos. É um grupo que joga junto, com algumas mudanças. Palmeiras é forte, temos respeito. Já enfrentamos o Palmeiras em Brasília, e agora temos outro. O que aconteceu na temporada passada já ficou, agora temos que escrever novamente”, expressou.

Retirado de: Torcedores

Publicidade